Homem é assassinado dentro de bar em Feu Rosa, na Serra

De acordo com moradores do bairro, a vítima tinha envolvimento com o tráfico de drogas

Movimentação no local após o assassinato de Charles em bar de Feu Rosa
Movimentação no local após o assassinato de Charles em bar de Feu Rosa
Foto: Internauta

Um homem foi assassinado dentro de um bar no bairro Feu Rosa, na Serra, na noite desta sexta-feira (15). Segundo testemunhas, Charles Marques Santos, de 30 anos, estava sentado no bar quando indivíduos em um carro prata já chegaram atirando. 

Um coletor de lixo, de 35 anos, que também estava no estabelecimento foi vítima de bala perdida, com um tiro no pescoço, mas passa bem. De acordo com investigadores da DHPP, o crime aconteceu em um bar que fica na esquina da Rua dos Jacarandás com a Rua Copo de Leite. Era por volta das 22 horas.

Testemunhas contam que havia dez pessoas no bar, assistindo futebol, bebendo e conversando quando por volta das 22 horas um homem a pé e armado atirou contra Charles, que foi atingido com dois tiros na cabeça, três nas costas, um no peito e um no braço.

De acordo com a polícia, Charles tinha passagem pela polícia e envolvimento com o tráfico de drogas. A morte dele seria por causa da disputa pela venda de drogas. A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra ficará responsável pela investigação do caso. Nenhum suspeito foi preso ainda. 

O coletor de lixo estava em uma mesa próximo da vítima, tentou correr e caiu no chão. O irmão dele, um motorista de aplicativo de 38 anos, que também estava no local, conta que assim que o coletor de lixo caiu, uma bala bateu no chão e voltou na direção do pescoço dele. O próprio irmão o socorreu e o levou para o Hospital Jayme Santos Neves. Ele passou por um procedimento cirúrgico, foi medicado e liberado. 

A polícia foi ao local, fez rondas na região, mas nenhum suspeito foi localizado. Os moradores contam que teve muita correria no momento dos tiros, porque tinha muito movimento na rua. Segundo eles, a tragédia poderia ter sido ainda maior, pela quantidade de disparos. Muitos moradores acordaram e disseram ter ouvido mais de dez tiros.

 

Um vídeo gravado por um morador mostra o local após os disparos, com o coletor passando com a mão no pescoço com sangue. Assista: 

Com informações de Daniela Carla, da TV Gazeta, e Elis Carvalho

OUTROS CASOS

É o terceiro caso parecido nesta semana. Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas após um ataque a um bar no bairro Santa Bárbara, em Cariacica, durante a noite desta terça-feira (12). De acordo com informações da polícia, ainda não se sabe quantos eram os atiradores. Um dos mortos seria o alvo dos bandidos e o outro, o dono do estabelecimento, foi encontrado com a cabeça recostada em uma bíblia.

Já nesta quinta-feira (14), um jovem de 19 anos morreu também dentro de um bar no bairro Alecrim, em Vila Velha, no final da tarde. Ele levou quatro tiros. Segundo testemunhas, um suspeito chegou de moto e foi até um bar onde a vítima estava e efetuou os disparos.

Um homem, de 45 anos, que passava na rua no momento do crime, levou um tiro de raspão na perna esquerda e foi socorrido para o Hospital Evangélico, também no município. Um rabecão da Polícia Civil esteve no local e recolheu o corpo.