Rapaz é morto com mais de 50 tiros em campo de futebol na Serra

A polícia acredita que pelo menos duas pessoas tenham feitos os disparos. Outras pessoas estavam no local quando o crime aconteceu, mas ao ouvir os tiros, correram, e não souberam dizer o que pode ter acontecido

Rapaz de 24 anos é morto com mais de 50 tiros em campo de futebol no bairro Bela Vista, em Serra Sede, na noite desta quarta-feira (22)
Rapaz de 24 anos é morto com mais de 50 tiros em campo de futebol no bairro Bela Vista, em Serra Sede, na noite desta quarta-feira (22)
Foto: Bernardo Coutinho

Um rapaz de 24 anos foi morto com mais de 50 tiros em um campo de futebol no bairro Bela Vista, em Serra Sede, na noite desta quarta-feira (22). De acordo com informações da polícia, os disparos partiram de pelo menos duas pessoas, mas não se sabe como tudo teria acontecido.

A vítima foi identificada como Andrel Martins Lirio, de 24 anos, e o crime aconteceu por volta das 23h desta quarta-feira. Por terem sido encontrados dois tipos de restos de munição próximo ao local do crime, a polícia acredita que os disparos tenham sido feitos por, pelo menos, duas pessoas.

Segundo relatos, Andrel estava próximo de casa quando foi assassinado, no bairro Palmeiras, que fica na região de Bela Vista. De acordo com a polícia, o rapaz estava com um grupo de moradores, quando chegaram dois carros. Dois homens desceram, sendo um deles com metralhadora, e começaram a atirar. Todo mundo conseguiu correr, mas Andrel foi morto no local.

> Após tiroteio, esquadrão antibombas verifica artefato em Vila Velha

Outras pessoas que estavam no local quando tudo aconteceu correram para se esconder e, por isso, ninguém conseguiu ver e explicar o que teria acontecido. Assista ao vídeo abaixo:

Foram encontradas mais de 40 perfurações no corpo de Andrel. Mais de 50 cápsulas foram encontradas no local. Elas foram recolhidas para perícia e investigação. A família explicou para a polícia que Andrel era usuário de drogas.

Não há informações sobre os atiradores. Segundo informações da polícia, o rapaz assassinado teinha passagem por roubo. O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção á Pessoa da Serra.

Com informações de Daniela Carla e Mayra Bandeira