Casal é assaltado por bandidos de bicicletas compartilhadas em Vitória

Três suspeitos estavam em duas bicicletas compartilhadas e seguiam no sentido contrário do casal, mas cercaram as vítimas e roubaram celulares e R$ 100

Foto: Reprodução/Google Streat View

Um casal foi assaltado por três bandidos que estavam em duas bicicletas compartilhadas, enquanto voltavam para casa, na Rua Elesbão Linhares, na Praia do Canto, em Vitória, por volta das 2 horas deste domingo (21). As vítimas tiveram os celulares e R$ 100 roubados.

O casal, um garçom, de 21 anos, e uma atendente de caixa, de 20 anos, contou que estava com um amigo a caminho de casa após um lanche quando, na Rua Elesbão Linhares, viram três homens em duas bicicletas de serviço compartilhado.

"Na hora que eu vi eles na bicicleta eu já desconfiei. Apertei a mão do meu namorado e disse que achava que a gente seria assaltado. Foi então que eles fizeram o retorno e abordaram a gente", contou a jovem de 20 anos.

Os três suspeitos que seguiram em direção contrária das vítimas, retornaram e cercaram os amigos. Um dos assaltantes abordou os amigos pela frente, enquanto os outros dois ficaram atrás. Com o susto, o amigo do casal correu. 

"Ele correu e conseguiu abrir o portão e entrar em casa. Na hora, um dos assaltantes gritou para o outro que não era para atirar. A gente ficou muito assustado", contou o garçom, 20 anos.

De acordo com as vítimas, foram levados dois celulares e a quantia de R$ 100. 

"Um deles simulou como se estivesse armado e pediu para a gente entregar o celular. Eu disse que não tinha, ele enfiou a mão no meu bolso e pegou, além de dinheiro que eu tinha no bolso. Logo depois pegou o da minha namorada", contou o garçom. 

O casal contou que costuma sair para lanchar e voltar a pé para casa e que nunca tinha sido assaltado.  Porém, os crimes tem aumentado na região. 

"A gente sempre faz isso, nunca teve problema. Agora vamos ter que pensar bem antes de sair, porque está tendo muito assalto naquela região. Minha namorada ficou apavorada, chorou a noite toda", comentou o garçom. 

O casal registrou o boletim de ocorrência na 1ª Regional de Vitória. Nenhum dos suspeitos foi detido até o momento.